Neste blog, mais imagens do que palavras...
A fotografia é uma paixão que não requer ser cultivada, tão somente alimentada, pelo que uma imagem vale mais do que mil palavras!

In this blog, more pictures than words ...
The photography is a passion that does not require to be cultivated, nourished solely by that one picture is worth a thousand words!

SOMOS VISTOS E PROCURADOS NO MUNDO INTEIRO - ESTES OS PAÍSES QUE VISITAM O BLOG!

Flag Counter

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

𝐖𝐢𝐧𝐞 & 𝐌𝐮𝐬𝐢𝐜 𝐕𝐚𝐥𝐥𝐞𝐲 - O Festival que celebrou o vinho, a gastronomia e a música no vale do Douro


O 𝐖𝐢𝐧𝐞 & 𝐌𝐮𝐬𝐢𝐜 𝐕𝐚𝐥𝐥𝐞𝐲 proporcionou, dois dias de concertos inesquecíveis.... mas não só...

O primeiro grande festival em Portugal inspirado no vinho e que também celebrou a gastronomia e a música atraiu cerca de 18 mil pessoas em pleno coração do Douro Vinhateiro e em plena época de vindimas. Foi a 14 e 15 de setembro.


Numa primeira edição, constitui desde já um grande êxito a nível da organização, com vários milhares de pessoas, de copo na mão, a usufruir de um dos cenários mais belos do mundo. Música, gastronomia e vinho foram a combinação perfeita para o sucesso e maravilhar os festivaleiros.

Wine & Music Valley contou com três palcos diferentes e inúmeras atuações ao longo dos dois dias. 





Pelo “Douro Stage”, passaram nomes como Bryan Ferry, Mariza, António Zambujo, Xutos & Pontapés e Seu Jorge, entre outros. No “Wine Stage” estiveram os HMB, The Black Mamba e Xinobi & Anna Prior. No espaço “Chef’s Stage” chefs de cozinha de renome como Rui Paula, Miguel Castro e Silva, Vítor Matos, Pedro Pena Bastos, Tiago Bonito ou Tiago Moutinho confecionaram pratos emblemáticos.


Sem dúvida alguma que o Douro já merecia um evento desta dimensão onde a cerveja fica de fora porque o vinho é o rei ou não fosse este um festival que celebra os néctares e a gastronomia da Região Demarcada do Douro.


O festival decorreu no Porto Comercial de Cambres, Lamego, mesmo em frente à cidade do Peso da Régua.

terça-feira, 30 de julho de 2019

Grutas das Minas de Queiriga... Mesmo não podendo, ir é o melhor remédio!




As grutas das minas da Queiriga, concelho de Vila Nova de Paiva, distrito de Viseu - Portugal, escondem uma lagoa azul linda que sobressai à vista, fruto da entrada da luz solar na diagonal e contra o tipo de minério existente.
A luz entra por entre várias galerias, sustentadas por colunas naturais, através de várias aberturas na vertente oeste do monte.
Também conhecidas como Minas de Lagares, foram uma exploração mineira com um apogeu nos anos 40 chegando, tendo chegado a empregar cerca de 500 operários.
 Os principais minérios extraídos eram a Cassiterite (óxido de estanho) e a Wolframite (volfrâmio).
 Há cada vez mais aventureiros que aqui se deslocam para contemplar as grutas formadas aquando da exploração mineira desta zona.
No seu interior nota-se uma elevada humidade e, na época quente,  o corpo vai-se aos poucos adaptando ao frio no interior, sendo notada uma grande diferença à saída.

Nada impede uma visita, mas é preciso muito cuidado com os perigos. No dia em que lá estive, por incrível que pareça, três aventureiros de toalha ao ombro, decidiram, mina adentro, ir mergulhar naquelas águas, desconhecendo eu e com certeza eles, os perigos de um contato com aquelas águas, além de outros pelo arriscado que acaba por ser chegar até à água, quanto mais mergulhar nelas.

O espaço tanto interior como exterior  já esteve arranjado e aberto para visitas, mas foi vandalizado e nada mais foi feito. Ainda se vê ao longo da mina alguns elementos de apoio aos visitantes, outros que foram sendo adaptados de forma improvisada. 
Actualmente desactivadas, estão a ser objecto de um estudo de exploração turística por parte da Câmara de Vila Nova de Paiva e da empresa concessionária.
Estas grutas ficam próximo de Queiriga, aldeia com 575 habitantes, denominada de aldeia mais “francesa” de Portugal, conhecida por quadruplicar o número de moradores no verão com a chegada dos emigrantes.
Deixo um vídeo um pouco mais detalhado destas grutas. Espero que gostem. Obrigado!

sábado, 27 de julho de 2019

🔝 Wine & Music Valley 🍷 🎶 Inspirado no vinho e num dos locais mais bonitos do mundo 🌎

🍾
Inspirado no vinho e num dos locais mais bonitos do mundo, o Wine & Music Valley chega ao Douro e promete deixar só boas memórias 😊
🎉
Este é o primeiro festival inspirado no vinho! Com o Douro como pano de fundo, artistas de peso e com gastronomia à altura, o vinho vai ser o acompanhante perfeito!
🍸
A 14 e 15 de setembro, sobem ao palco principal nomes como Bryan Ferry, Mariza, Xutos & Pontapés, Seu Jorge, Carolina Deslandes, Salvador Sobral, entre outros. Também vai haver um segundo palco para novos talentos! Tainá e Serushio estão já confirmados.




🍸O vinho será uma das referências deste festival, pelo que serão realizadas várias atividades ligadas ao enoturismo, desde provas de vinhos, tratamentos de vinoterapia, havendo ainda apossíbilidade de pisar uvas, isto porque será numa época em que decorrem as vindimas na região do Douro.
🍾Haverá ainda um Chef’s Stage, naquele que será o terceiro palco do festival, dedicado à culinária, com o contributo de vários chefs nacionais, do cartaz fazem parte iniciativas de cozinha de autor, live cooking shows e degustações.
🎉O recinto vai ter seis hectares. Situa-se no Porto Comercial de Cambres – Lamego, com uma vista privilegiada sobre a cidade da Régua e todo o Douro envolvente. Não faltará uma roda gigante e, chegar ao recinto de barco, poderá ser uma boa opção! 
 Douro Stage Vip Village  Wine Village  Chef’s Stage
 Wine Experience  Roda Gigante  Lounge

🔖Além dos bilhetes diários (25€) existe, também, a possibilidade de adquirir passe geral, com acesso aos dois dias de evento (40€).
Para quem prefere uma experiência VIP, com acesso a zonas exclusivas dentro do recinto e a possibilidade de participar em experiências premium, o bilhete pode custar 60€ (diário VIP) ou 100€ (passe VIP).

Adquira já...🔖 Early Bird aqui 👉 bit.ly/2KXOHHQ
Também disponível em lojas físicas FNAC, Worten, El Corte Inglês, ACP, Turismo de Lisboa e The Phone House.

sábado, 13 de julho de 2019

À descoberta da frase na tua língua no muro des je t'aime ❤️🧡💛💚💙💜🖤

Ao contrário dos outros muros que separam  pessoas, cidades e limitam fronteiras, esse muro é um lugar de união, que procura mostrar para quem vai lá as diferentes formas de amor.  
Paris é a capital do amor. E nada mais justo do que a existência desse muro!

sábado, 6 de julho de 2019

Jardins do Palácio Fronteira em Lisboa - Parte II - A parte que desagrada...

Tal como prometido, aqui fica um dos motivos por que me desagradou a visita a este espaço que é pago. 

 No final da visita, fiz questão de na entrada apresentar verbalmente a reclamação às funcionárias que entre outras desculpas disseram que seria culpa da arquiteta paisagista Cristina Castel-Branco e sua equipa, vistos os lugares para haver água terem fugas e ninguém mais os reparou, então está tudo a monte e sujo, pelo menos estava quando lá fui. Disseram que se calhar iam fechar essa parte colocando lá essa informação... Disseram que os responsáveis já faziam muito e com dificuldades (com tão grande volume de visitas pagas?)... Agora, não podem é por um visitante a pagar para ver isto! Se não podem, fechem portas. E apoios há muitos... Assim como muita falta de informação pelo espaço, nem pessoas a orientar, pelo que se pode andar (querendo) até para outros locais ainda piores da envolvente deste espaço, nada o impede! 
Fiquei mesmo muito desagradado de ter pago 4 entradas e, nem um bilhete para famílias existe... Ficam as imagens que falam por si...





quinta-feira, 4 de julho de 2019

Jardins do Palácio Fronteira em Lisboa - Parte I - Aquela que aparentemente é bela.


O Jardim Formal, limitado a Poente, Norte e Nascente, por 3 muretes com azulejos e, a Sul, pelo conjunto formado pelo Tanque dos Cavaleiros e Galeria dos Reis...




Tinha alguma curiosidade em visitar este local, pelo que aquando da minha recente estadia na região de Lisboa, fui!
Não entrei no Palácio, acho os preços elevados para uma família portuguesa, sem preços familiares.
Apenas entrei nos jardins e devo dizer que à primeira vista é muito bonito, mas, acabei desiludido com a falta de informação e cuidado de detalhes neste jardim.
Existe mais, mas fica para uma nova publicação, com sentido crítico!
Até lá, vejam estas fotos com pormenores sem dúvida interessantes.

quarta-feira, 3 de julho de 2019

Redes sociais com problemas a nível mundial: Facebook, Instagram, Whatsapp e Twiter

As redes sociais Facebook, Instagram, Whatsapp e Twiter estão estão a ter problemas de acesso, atualizações e por exemplo apresentação de imagens ou conteúdos.
A plataforma downdetector, que acompanha este tipo de problemas, regista um aumento exponencial de relatórios de erros a partir do início da tarde desta quarta-feira. O pico maior ocorreu pelas 16 horas desta tarde.
Foto: Pexels
Segundo a mesma fonte, o Reino Unido é o país mais afetado, seguido da Europa central e USA.